Mastopexia

Comumente conhecido como cirurgia de “lifting de mama”, a mastopexia reposiciona a aréola e o tecido mamário, removendo o excesso de pele e comprimindo o tecido para compor o novo contorno da mama. As mamas mudam ao longo do tempo, perdendo sua forma jovem e firmeza. Estas alterações, além da perda de elasticidade da pele podem ocorrer devido a:
  • Gravidez;
  • Amamentação;
  • Oscilações de peso;
  • Envelhecimento;
  • Gravidade;
Muitas vezes a aréola torna-se alargada ao longo do tempo e a mastopexia pode também reduzi-la. O procedimento pode ter um caráter rejuvenescedor, já que o perfil conseguido no pós-operatório é o de uma mama mais jovem e firme. Lembre-se de que a decisão de se submeter à cirurgia de mastopexia é pessoal e é você quem deve decidir se os benefícios atingirão seus objetivos e se os riscos e potenciais complicações são aceitáveis. Seu cirurgião plástico irá lhe explicar, em detalhes, os riscos associados à cirurgia. Você deverá assinar um termo de consentimento para assegurar que compreendeu plenamente o procedimento ao qual irá se submeter e quaisquer riscos ou complicações potenciais.